Reganboleando versos

Standard

Olha o trovador e tua lira,

ele chega na plenitude de sua música.

Em uma dança em perfeita harmonia,

regamboleando como plumas ao relento do vento.

 

Vem recitando teus versos.

Teus versos recitam as coisas lindas da vida,

são versos que ecoam no ar.

No ar sambam,

no ar cantam

no ar voam.

Advertisements